A Capela de Bênçãos e Confissões

Abril/2019

No dia 11 de Maio de 2004, a renomada arquiteta católica, Irmã Laíde Sonda finalizou a pintura de um afresco na parede central da Capela de Bênçãos e Confissões da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu.

O afresco é uma iconografia de Jesus Cristo, Senhor da Vida, que tem na mão esquerda a Palavra de Deus com os dizeres: “Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida” (Jo 14,6). Alguns detalhes remetem à realeza de Cristo, a exemplo da almofada vermelha, e outros lembram a Criação de Deus e o dom da Vida, como o Sol e a Lua, as plantas e pássaros. Na parede lateral à direita há um afresco de um ícone do Apóstolo e Mártir, São Judas Tadeu, nosso Padroeiro.

Ir. Laíde e outros artistas sacros atuais são chamados a seguir as Normas sobre Arte Sacra em seus trabalhos (Assembleia Geral CNBB, 1965), adequada aos verdadeiros objetivos da renovação litúrgica promovido pelo Concílio Vaticano II.

Há 15 anos, os devotos de São Judas Tadeu têm o privilégio de apreciar essa bela obra na Capela de Bênçãos, que remete à oração e à contemplação.

Nesta Capela, localizada ao lado da Secretaria da Paróquia, os Padres Dehonianos atendem as confissões individuais, das 8h às 20h de segunda a sexta-feira, aos sábados, domingos e feriados, das 8h às 18h. São dois padres que se revezam, sem intervalos para almoço, no atendimento aos fiéis. Também são realizadas nesta Capela as bênçãos diárias, das pessoas e objetos (terços, medalhas, documentos, carteiras de trabalho, carros) de meia em meia hora, com aspersão de água benta.

Fonte de água benta

Em Outubro de 2018, foi inaugurada a Fonte de Água Benta da Paróquia/Santuário São Judas Tadeu. Em frente à Secretaria Paroquial, há um reservatório de água, abençoado periodicamente pelos Padres Dehonianos, onde os devotos podem encher suas garrafas e levar água benta para casa, sem custos.

A água benta é um sacramental, é uma eficaz forma de se chegar às realidades espirituais por meio de sinais sensíveis e visíveis. O que é um sacramental? “A santa mãe Igreja instituiu os sacramentais, que são sinais sagrados pelos quais, à imitação dos sacramentos, tem significativos efeitos principalmente espirituais, obtidos pela impetração da Igreja. Pelos sacramentais, os homens se dispõem a receber o efeito principal dos sacramentos e são santificadas as diversas circunstâncias da vida” (Catecismo da Igreja Católica, n.1667). Assim, o ministro ordenado, seja um padre ou diácono, ao abençoar a água, conforme prescreve a Igreja Católica, obtém-se um sacramental, que possui grande eficácia para as pessoas nas diversas realidades da vida. Com isso, “os sacramentais não conferem a graça do Espírito Santo à maneira dos sacramentos; mas, pela oração da Igreja, preparam para receber a graça e dispõem para cooperar com ela” (CIC 1670).

Seja sempre bem vindo para confessar-se e adquirir a sua água benta em nosso Santuário!

 

Priscila de Lima Thomé Nuzzi

Nenhum comentário

Publique um comentário

WhatsApp chat